top of page

Criado por Celina Joppert, o projeto reúne jovens talentos, pessoas da alta sociedade carioca, artistas e celebridades para juntos cantarem em prol de uma causa, num espetáculo único, original e comovente. A bilheteria e a receita do projeto, são revertidas para a causa abraçada.

Com o objetivo de contribuir para a criação da consciência solidária e da importância do protagonismo para as transformações sociais positivas, o projeto funciona como um evento de captação de recursos e publicidade para as causas contempladas.

Atualmente em sua 4° edição, o projeto já impulsionou e angariou fundos para instituições como Galpão Aplauso, Instituto da Criança, INCA, Ação Social pela Música, Musically United Students and Teachers e Theatro Municipal. Conheça a trajetória: 

2009

Celina sabe que a música tem o poder de transformar pessoas e circunstâncias. Por isso, enxerga a grande possibilidade de apoiar causas que precisam de atenção e visibilidade na sociedade, através do canal artístico e musical. Em parceria com o Galpão Aplauso, foi realizado um evento que mesclava arte e desenvolvimento humano para profissionais de diversas áreas corporativas. 

Deste primeiro contato com o organizações do terceiro setor, nasce o Solte Sua Voz por uma Causa, ainda como uma ideia a ser sonhada, construída e trazida para a realidade. 

O Galpão Aplauso oferece formações nas áreas da arte e da indústria criativa para jovens de comunidades cariocas há 14 anos. Desde o início das atividades, 14 mil pessoas já foram transformadas pelo projeto.

A primeira edição do projeto recebeu o nome Mães e Filhos que Cantam Juntos, abraçando o Instituto da Criança.

O Instituto da Criança conecta pessoas físicas e jurídicas à organizações e pessoas que precisam de ajuda. Assim, a ONG já promoveu ações nas áreas de cidadania, educação, desenvolvimento comunitário e geração de renda.

2010
2011

Finalmente batizado como Solte Sua Voz por uma Causa, a edição de 2011 foi realizada dando apoio ao INCA (Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva). 

O papel do INCA é desenvolver e coordenar ações de prevenção e cuidado do câncer no Brasil. Compreendendo diversos agentes, o órgão atende pacientes afetados pela doença (direcionados ao SUS), especializa profissionais da saúde, desenvolve pesquisas e gera informação epidemiológica. Transformando a vida dos impactados, o Instituto tem o parque público de diagnóstico por imagem mais moderno da América Latina.

Nesta edição, o Solte Sua Voz recebeu os alunos da Ação Social pela Música do Brasil (ASMB) e do  Musically United Students and Teachers (MUST) para se apresentarem junto a Celina e um coral de voluntários, artistas e jovens talentos no palco do Teatro Fashion Mall, na Zona Sul do Rio de Janeiro. 

Após 4 meses de ensaios, o repertório musical foi uma homenagem a brasilidade com músicas de mestres como Jorge Ben Jor, Tim Maia, Elis Regina e Caetano Veloso.

A ASMB se dedica a inserção social de jovens em estado de vulnerabilidade a partir do ensino da música clássica. A adesão escolar é pré-requisito para participar do programa e é oferecido um suporte pedagógico permanente aos alunos. A Ação Social pela Música do Brasil dá suporte ao MUST concedendo parte de seus professores para que o projeto sediado na EARJ (Escola Americana do Rio de Janeiro) prepare os jovens da comunidade da Rocinha, ensinando música e dando suporte socio-emocional aos seus alunos.

2016
2019

Em parceria com o Instituto Bees of Love, o Solte Sua Voz levou para o palco do Theatro Municipal 70 mulheres da alta sociedade carioca para cantar em prol da restituição da cortina de boca de cena do teatro. A maioria das participantes, na sua primeira experência cantando.

O Gala Solidária reuniu artistas, empresas do setor privado e estudantes num espetáculo magnífico com participações emblemáticas de Tony Ramos, Ana Botafogo, Débora Colcker, Carlinhos de Jesus, Nelson Freitas, Eduardo Lages, entre outros. O show reuniu obras importantes do cancioneiro popular para homenagear o Rio de Janeiro, com músicas de Tom Jobim, Caetano Veloso, entre outros artistas.

Sob o comando de Georgia Buffara e direção artística de Marcelo Misailidis o evento mobilizou a sociedade carioca para a importância da valorização e preservação de um dos maiores patrimônios históricos e culturais do Rio de Janeiro, O Theatro Municipal. Desde sua inauguração em 1909, seu palco recebeu óperas, companhias de dança e musicistas do Brasil e do mundo.